Arquivo de abril, 2010

Verdades e Vergonhas da Força Expedicionária Brasileira – 25 anos após a primeira edição.

Posted in História da FEB, Livros, Memórias da FEB, Memórias de Guerra, Segunda Guerra Mundial on abril 25, 2010 by ccmaximus

Em 1985, Leonercio Soares, veterano da 2.a Companhia de Fuzileiros do “Onze R.I.” enviava às livrarias a primeira edição de seu livro. Apesar da tentativa inicial do autor de obter uma edição comercial por meio do envio de 100 originais mimeografados a jornais e empresas editoriais, ninguém se interessou pelo livro. Leonercio acabou produzindo uma edição de autor, que obteve boa distribuição graças a seus esforços.

A indiferença dos editores em publicar sua obra é possivelmente o resultado de um desacertado cálculo sobre a pontencialidade comercial do texto. Por volta de 2000, o livro dispôs de uma segunda edição, idêntica à primeira, que parece ter contado com uma distribuição limitada às livrarias paranaenses. Ambas edições desapareceram rapidamente das lojas e hoje se tornaram raro objeto de coleção, em vez de referência sobre a história que possa ser facilmente adquirida. Há poucos exemplares à venda nos livreiros especializados e os preços alcançam as centenas de reais.

Leonercio faleceu logo após a publicação da segunda edição, e é pena que a publicação de uma terceira prensagem seja pouco provável. Dessa forma, a crescente legião de interessados na história da Segunda Guerra e da Força Expedicionária Brasileira permanece privada de uma das ricas, honestas e vibrantes fontes sobre o episódio.

O livro é versátil e oscila entre a reminiscência pessoal, o romance histórico e a análise operacional. Além de talento de escritor Leonercio tinha uma excelente noção dos problemas que afligiram os batalhões brasileiros nos ataques iniciais a Monte Castello, e a leitura de seu livro é extremamente elucidativa das dificuldades que a tropa teve de enfrentar no combate de 12 de dezembro de 1944.

Leonercio pertenceu ao I Batalhão do “Onze”, unidade empenhada no setor de Guanella e Abetaia e que sofreu baixas brutais na ocasião.

Impossível conhecer a fundo a FEB sem a leitura de sua obra.