Nota de falecimento – Roberto Graciani

Recebi o texto abaixo de um amigo do E.B. Posto na integra (desculpem pela falta de acentos hoje).

***jubileu_10

Faleceu no dia 19 de outubro, em Belo Horizonte, aos 53 anos, o Sr. Roberto Rodrigues Graciani.

Roberto Graciani dedicou os seus últimos anos de vida no resgate da memória da Força Expedicionária Brasileira. Graciani foi o criador do website http://www.anvfeb.com.br, “A Nossa Vitoriosa Força Expedicionária Brasileira”, idealizado para homenagear aqueles que participaram do Teatro de Operações da Itália, seguramente a melhor e mais idônea fonte de consulta sobre a FEB na rede mundial de computadores.

Nele, Graciani noticiava todos os eventos relacionados à FEB, em especial a história pessoal dos heróis brasileiros que lutaram na II Guerra Mundial, além de fornecer uma preciosa orientação jurídica aos veteranos e a seus familiares.

Fosse pessoalmente, por telefone ou por e-mail, atendia a todos com fidalguia, mesmo desconhecidos, abrindo espaço em sua página aos familiares dos pracinhas interessados em divulgar as memórias da guerra dos seus pais e avós.

Graciani era uma das poucas vozes que se levantavam, indignadas, contra o quase completo abandono das Associações de Veteranos pelas instituições e governos. Ciente da importância da preservação da memória da FEB, hoje quase totalmente excluída dos livros escolares, preocupava-se com o rápido desaparecimento dos pracinhas e a consequente extinção da Associação de Veteranos em Belo Horizonte, lutando pela sua continuidade da Associação e do seu acervo, em prol das futuras gerações de brasileiros.

Hoje, em uma realidade marcada pelo individualismo e pelo materialismo, Roberto Graciani agia de forma ímpar, trabalhando sem qualquer tipo de remuneração pública ou privada, movido pelo patriotismo e o profundo respeito à memória do seu pai, o febiano Raul Graciani.

Se na mídia atual, o passado de glórias da Força Terrestre é costumeiramente esquecido, seu website apresentava a História Nacional como ela merece: sem revisionismos ou deturpações de caráter ideológico.

Graciani não era militar da ativa ou da reserva, mesmo assim, foi capaz de construir e manter, com esforço próprio, um exitoso veículo de mídia eletrônica que dignifica o glorioso passado do Exército Brasileiro. Algo que muitos outros, com recursos e poder superiores, não fazem.

Na contramão do politicamente correto, era uma dessas raras pessoas que aos invés de adular os poderosos, preferia estar sempre ao lado dos humildes pracinhas, não importando posto, graduação ou patamar social.

Sua atitude em divulgar as notícias sobre a FEB foram fundamentais para evitar a destruição, e posterior venda como sucata, do armamento utilizado pelos pracinhas na guerra, de incomensurável valor histórico, guardadas no Rio de Janeiro.

A constante divulgação da situação de penúria e do fechamento da Casa da FEB, ocorrida em 2008, também no Rio de Janeiro, acabou por mobilizar inúmeros historiadores e amigos. O resultado dessa ação acabou por chamar a atenção de uma empresa privada, sensibilizando empresários que patrocinaram a reforma e a reabertura das suas instalações.

Graciani dedicou boa parte de sua vida na preservação da memória do Brasil na II Guerra Mundial — o momento mais importante do Brasil, no cenário internacional, durante todo o século XX. Seu prematuro desaparecimento abre uma lacuna que dificilmente será preenchida. Sem o seu trabalho voluntário, a preservação da história da FEB perde um valoroso aliado.

Descanse em paz amigo! Que Deus o tenha! Que o seu exemplo de vida inspire outros brasileiros patriotas como você. Que as suas palavras de estímulo à preservação da memória nacional permaneçam eternas na alma daqueles que amam o Brasil.

Na imagem, Roberto Graciani e Cap Divaldo Medrado, na ocasião em que o primeiro recebeu da ANVFEB – Seção Regional de Belo Horizonte, o Diploma de Reconhecimento e a Medalha Jubileu de Ouro, pelos valorosos serviços prestados a esta Seção.
(26 de outubro de 2005).

36 Respostas para “Nota de falecimento – Roberto Graciani”

  1. O Roberto fez pelos veteranos mais que qualquer um de nós e de todos nós juntos.

    Junte-se a outros grandes brasileiros que partiram, Cel Martinelli, Sérgio e outros veteranos

  2. Infelizmente, a grandeza da obra de Roberto Graciani, em prol da memória nacional, dificilmente será lembrada e reconhecida pelos grandes veículos de mídia.

    A nota da sua passagem para a eternidade, no Cobra Fumando, é uma merecida e respeitosa homenagem à sua memória.

    Obrigado César

  3. Fundação Cultural de Jaraguá do Sul - SC Says:

    É com imenso pesar que recebemos a notícia do falecimento do sr. Roberto Graciani. Uma pessoa que não mediu esforços para divulgar a participação do Brasil durante a Segunda Guerra Mundial. Sabemos o quanto é importante para as gerações que sucederam este evento e também às que virão, o conhecimento sobre este fato marcante da história da humanidade para a conscientização: um trabalho de um mundo melhor, mais justo e digno de se viver. O sr. Roberto, através de seu site, foi um agente da transmissão do saber, da memória dos nossos pracinhas que tanto fizeram em nome da liberdade em que vivemos hoje. Agradecemos ao sr. Roberto pela divulgação do museu “FEB-Museu da Paz”. Fique na paz de Deus.

  4. Roberto jamias será esquecido por todos que tiveram o privilegio de desfruta de sua amizade.
    O momento é de muita tristeza para nós filhos dos heróis da FEB.
    Mas, como ele sempre dizia “A COBRA TEM QUE CONTINUAR A FUMAR”

    Descance em paz, meu nobre e querido amigo!
    Zenaide Duboc

  5. Olindina Paschoaletti Says:

    É com grande pesar que recebo a noticia do falecimento de um grande patriota, se outros brasileiros dedicassem um pouco sobre a história dos nossos valiosos pracinha como fez nosso amigo Roberto, hoje a história dos pracinhas na II guerra seria bem diferente e mas valorizada.
    Que o nosso pai maior receba este grande amigo e dê a sua família a certeza de ter convivido com um grande homem

  6. Lembrar, celebrar, honrar os feitos dos heróis da FEB
    fez de ROBERTO GRACIANI um poeta. Um poeta não
    envelhece, não morre. Sua luz continuará a iluminar um
    dos mais belos capítulos da história de nossa Pátria e
    da vida daqueles que tiveram o privilégio de conviver
    com ele por várias décadas, por algumas estações ou
    apenas por poucos minutos. Que o fim de sua jornada
    seja o retorno a casa paterna!

  7. Mara Lúcia Says:

    A Sr. Roberto Graciani será sempre lembrado por nós aqui de Barbacena, com muito carinho e respeito. Apesar de conhece-lo a pouco tempo cativou a todos nós famíliares de expedicionários, pela maneira carinhosa e atenciosa que sempre dispensou a todos nós.
    Que ele encontre sua paz, e continue seu caminho, pois acreditamos que sua jornada não acabou apenas mudou de dimensão.

  8. O Roberto foi um grande amigo, e sempre que íamos à São João Del Rei nos encontravamos com ele e também nos encontros da A.N.V.F.E.B. todos os anos. Ele nos vai fazer muita falta. Jamais o esqueceremos. Em meu nome e de meu esposo Antonio Cruchaki envio à família o nosso pesar.
    Nadir P.S.Cruchaki e Antonio Cruchaki – Pres. da A.N.V.FEB de São Bernardo do Campo.

  9. Walber e Vânia Says:

    O Sr. Roberto, além da simpatia e boa vontade, muito nos ajudou orientando e divulgando o XX Encontro dos Veteranos da FEB em Brasília . Além disso, seu site sempre trazendo informações preciosas e de credibilidade serviu e serve de fonte de pesquisa e ensinamento a todos nós, inclusive os mais jovens que tem dificuldade em obter conhecimento desse capítulo da nossa História.
    Fica aqui nosso abraço à família e amigos do Sr. Roberto nesse momento de perda enviando nossas preces e agradecimento.

    Walber, Vânia, filhos e equipe da Seção de Comunicação Social do Comando Militar do Planalto – coordenadora do XX Encontro

  10. Aqueles que tiveram o privilégio de conhecê-lo sabem da saudade que fica e da falta que o Roberto vai fazer para a divulgação da FEB…
    Uma pessoa inigualável que fazia todos a sua volta darem boas risadas!
    A Associação da FEB de Belo Horizonte não será mais a mesma…
    Sentirei saudades amigo e fotógrafo!

    À família e amigos chegados, meus sentimentos…

  11. UMA TRISTE NOTICIA SABER QUE O SR. ROBERT GRACIANI FALECEU. DESCANSE EM PAZ GRANDE HEROI. VÁ AO ENCONTRO DOS NOSSOS GRANDES HEROIS DA FEB.

  12. Tive a honra e o prazer de conhecer este grande homem. O Roberto era de um sensibilidade e de uma atenciosidade fora do comum. Infelizmente ele se foi, mas nos deixou um legado e compete a nós manter viva a chama da FEB cuja ele tantou lutou para manter acesa.

    Infelizmente quem perde muito é associação, tendo em vista que ele tinha tomado as rédeas dali com muito esforço e dedicação.

    Registro aqui meus sinceros sentimentos à familia do Roberto, o Brasil perdeu um bravo!

  13. Fico muito triste em saber do falecimento do Sr. Roberto. Ele era um grande homem, sempre disposto a ajudar a todos e preservar a história da FEB. Recorri a ajuda desse grande homem várias vezes para poder escrever minha tese e ele sempre foi super disposto a ajudar.
    Força à família dele.
    Que nosso bravo descanse em paz!

  14. onofre ferreira do prado Says:

    Brasília, 2 de novembro de 2009
    Pela internet, fui pego agora de surpresa com a notícia do falecimento do amigo Roberto Rodrigues Graciani. No dia 16 de outubro o visitei no Hospital Vera Cruz, em Belo Horizonte. Instantes atrás, eu havia enviado a ele (Roberto) um e-mail, porém, quando fui conferir pela internet se havia enviado para o endereço correto, deparei-me com a triste notícia, que me chocou profundamente.
    Consternado, desejo enviar à família enlutada e aos membros da ANVFEB, em nome do cap. Medrado, os meus mais sinceros votos de sentimentos pela irreparável perda. Que Deus o tenha num lugar de luz e de angélica paz, porque lá é o refrigério dos bons e dos justos!
    Abraços,
    Onofre Ferreira do Prado – membro da Associção Nacional de Escritores

  15. Sandra Regina Lamego Says:

    Fiquei muito triste com esta notícia. Estive no Hospital Vera Cruz, no dia 16 de outubro, e tive a oportunidade de visitá-lo. Pareceu-me bem disposto e feliz. Falou sobre a família com muito carinho, sobre o trabalho que estava desenvolvendo… Deus abençoe sua família! Que as forças Divinas se façam sempre presentes!

  16. Herica - Barbacena Says:

    Fiquei sabendo por intermédio de minha amiga Zenaide Duboc do falecimento de Roberto Graciani.
    Roberto partiu deixando um vazio em todos aqueles que valorizam a participação do brasileiros na 2ª guerra.
    Que Deus dê o conforto a seus familiares, amigos e veteranos da FEB.
    Desejo que o maior site de pesquisa da FEB não termine o projeto iniciado, com tanto carinho, por este grande cidadão que foi Roberto Graciani

  17. Carlos Daher Says:

    Fiquei muito abalado, não sabia de tão triste noticia, tive o prazer e a honra de emprestar dois jeep’s meus para o desfile de 7 de setembro/2009 (para os veterenos da FEB) e quem me contatou foi o Roberto.

    Guardo dele o carinho a atençao e o cuidado com o ser humano, as fotos deste 7 de setembro se já tinham valor agora se tornam um tesouro.

    Ele foi realmente uma luz nos nossos caminhos.

    Descanse em paz.

  18. Olindina Paschoaletti Says:

    caro amigo para todos nos que amamos e respeitamos nossos herois foi realmente uma grande perda deste nobre historiador dos nossos pracinhas, cabe a nos darmos continuidade deste trabalho, com certeza não tenho a mesma capacidade, farei minha parte para manter viva na nossa história os feitos dos nossos febianos.
    um abraço a todos os amigos da FEB
    Olindina

  19. Foi com grande pesar que, após dois meses, tomei conhecimento do falecimento do Sr. Roberto Graciani. Mantive contato com o mesmo nos últimos três anos através de e-mail e algumas vezes por telefone, inclusive auxiliando-me em assuntos relacionados aos ex-combatentes da FEB. Tive a honra de ser presentado com dois livros (com a sua dedicatória) sobre a temática que ele tanto amava e tinha profundo conhecimento, a Segunda Guerra Muncial, e com as réplicas das medalhas de Campanha e Cruz de Combate. É uma grande perda para a comunidade febiana e para todos aqueles que lutam pela preservação da história dos nossos heróis expedicionários.

  20. Marco Tulio de Carvalho Says:

    Tive a honra de trabalhar com Roberto por mais de dez anos… Sou Oficial R/2 e Engenheiro e pude acompanhar sua luta para manter viva a historia da FEB. Do seu pai falava com carinho e orgulho e sempre me contava suas histórias. Que Deus esteja contigo meu amigo. BRASIL ACIMA DE TUDO.

  21. Cesar Amorim Says:

    Apesar de não conhece-lo pessoalmente, soube a pouco da noticia e estou bege. um grande homem , amigo, atencioso que me orientou e ajudou muito quando precisei.
    Aos seus familiares o meu abraço.
    A FEB perdeu o seu filho mais precioso.

  22. josé z. mendes Says:

    FILHO DE UBIRAJARA DOLÁCIO MENDES E CAP REF DO EX, SÓ HOJE, 11.01.10, CONHECÍ DA OBRA PUJANTE DO SR. GRACIANI. MEU PAI, “TURCÃO”(6º RI), HEROI DA 2º GG FALECEU EM 16 OUT 06, DEIXANDO A OBRA “BRASILEIROS NA GUERRA”, ALÍ CONSTANDO TER SIDO PRIMEIRO OFICIAL (1º TEN) DE CONTRA INFORMAÇÕES. TALVES ELE NÃO TENHA TIDO CONHECIMENTO DO SR. GRACIANI, MAS EU O FAÇO AGORA, EM SUA MEMÓRIA, ENTRISTECIDO POR SABER DE SUA PERDA, NA PLENITUDE DE UM “JOVEM” NÃO FEBIANO MAS LUTADOR POR TUDO QUE A FORÇA EXPEDICIONÁRIA FEZ DE GRANDIOSO PARA O NOSSO BRASIL. CONFORTO PARA SUA FAMÍLIA. ALGUÉM O SUBSTITUIRÁ?

  23. Para nos Resevistas foi uma surpresa a morte de um grande homem. Ele era mais do que um irmão de farda . Nos nem o conhecia nem poisso ele deichou de colaborar com informação dos Ex-pracinha. A R M A Associação dos Reservists de Maximiliano de Almeida RS 21.01.10

  24. Que Deus o tenha Roberto Rodrigue Graciani os votos da ARMA Associação dos Reservista de Maximiliano de Almeida-RS

  25. EU FALEI COM O SR. ROBERTO APENAS UMA VEZ POR TELEFONE, MAS A SUA ATENÇÃO FOI MUITO GRANDE , O QUE NÃO PODERIA SER DIFERENTE , VISTO TODO EMPENHO QUE ELE TINHA PELA MEMORIA DE NOSSOS HERÓIS… QUE O SR. SEJA RECEBIDO COM TODAS AS HOMENAGENS QUE UM GRANDE HOMEN MERECE…
    FIQUE COM DEUS..

  26. José Franklin Dias de Moraes Says:

    Foi com grande pesar que soube do falecimento do Sr. Roberto Graciani.
    Não o conheci pessoalmente, mas tive a grata satisfação e oportunidade de comunicar-me com ele através de emails. Sempre pronto a atender filhos de excombatentes como eu, que gostariam de ver publicados no site da ANVFEB feitos e histórias de seus pais.
    Espero que alguem continue o prestimoso trabalho a serviço da história
    brasileira, tão bem retratada em seu site.
    Que Deus o tenha.

  27. Luciano Tadeu Says:

    É com uma enorme tristeza que escrevo este e-mail, conversei algumas vezes com este grande homem e nessas poucas oportunidades o Sr. Roberto foi incrivelmente atencioso, pois foi esta grande pessoa que proporcionou a mim e ao meu avô o sr. Alvaro joaquim, falecido no dia 22 de Outubro de 2010, uma grande alegria ao publicar fotos e relatos de guerra deste que é meu herói.
    Acredito que hoje finalmente meu avo conheceu no ceu esta grande pessoa e pode agradecer em espirito. Descanse em paz, e muito obrigado por tudo que fizeste pelos nossos herois de guerra.

  28. Régis Sales Says:

    Fiquei muito triste ao saber do falecimento do grande amigo Sr. Roberto Graciani. Ele, pôs a história do meu avô, Major Wilson Salles no site da ANVFEB e foi muito atencioso quanto aos reinterados emails que passamos um para o outro. Em um desses emails descobrimos, com muita felicidade, que meu avô tinha servido na mesma Bia.(bateria) na 2 grande guerra. Passamos a ser mais amigos ainda…
    Fica com Deus meu amigo e abraça meu avô por mim. Já já junto-me a vcs….Meu respeito.
    Régis Sales

  29. 22° Encontro Nacional de Veteranos da FEB – Jaragua do Sul – SC
    De 13 a 15 Novembro 2010 – site: http://cultura.jaraguadosul.com.br
    contatos para inscrição e hotéis (47)33716757 – Episteme Eventos

  30. Quando encontrei o website http://www.anvfeb.com.br, meu coração disparou, pois meu papi querido é um ex-combatente, foi convocado, se deslocou, fez um curso de sinaleiro, embarcou para a Italía, mas contraiu febre amarela e foi internado no navio hospital e quando teve alta a guerra acabou, porém nunco conseguiu provar, pois sumiram com os documentos de sua convocação, MGuerra so apresenta seu ingresso no exercito e alta, tem sido uma luta.
    Minha dor é ver meu pai hoje com 90 anos, passou a vida com operário, criou 11 filhos que estão contribuindo para o crescimento do pais..
    Quando o pais precisou, ele estava lá para servi-lo, agora aos 90 anos, com cancer, marca- passo, sem um rim, com coluna fraturada tem dores horíveis e jpoje tem apenas o orgulho de ter servido a um país que o ignora.
    Quando descobri que o sr Roberto Graciani havia falecido, me restou apenas chorar, pois foi minha esperança em que ele, talvez pudesse ajudar meu pai.
    Descanse em paz Sr Graciani.

  31. Olá Laudicéia, recebi seu comentário e queria ver se podemos ter um contato mais detalhado sobre a situação do seu pai. Também sou filha de veterano da FEB. Meu mail é: vrachou@hotmail.com
    aguardo sua resposta.
    O Roberto Graciani fez um trabalho inesquecível junto aos veteranos e pela memória deles e vamos trabalhar para que isso não se perca.
    Um abraço

    Vânia

  32. Clariston Says:

    Estou estarrecida. Hoje procurei pelo site da ANVFEB queria trocar umas informações com o Roberto. Meu amigo virtual, que muito me ajudou no Trabalho de Conclusão do Curso de Jornalismo. Passou-me informações preciosas para o Livro Reportagem Herói de Duas Guerras. Me deparei no site com a nota de falecimento… tristeza.

  33. FOI ATRAVÉS DE UM PROGRAMA A ALGUNS MESES ATRÁS NA TV BRASIL, QUE OUVI PELA PRIMEIRA VEZ, FALAR DO SR ROBERTO GRACIANI FIQUEI MARAVILHADA COM OS SEUS DEPOIMENTOS, SOU FILHA DE UM HEROI DA FEB O SOLDADO ENGAJADO REFORMADO O SR ELIAS JOSÉ DA SILVA, FALECIDO EM 12/05/2010 AOS 87 ANOS VITIMA DE CANCER.SE ESTIVESSE VIVO SERIA UM ORGULHO PARA O MESMO FAZER PARTE DESTE ACERVO VOU SEPARAR ALGUMAS FOTOS DO PERIODO DA GUERRA E ENVIAREI ,PARA ENRRIQUECER AINDA MAIS ESTE ACERVO, SOLICITO AOS FILHOS DESTES HEROIS QUE PRESERVEM ESTA CORRENTE E NUNCA A DEIXEM QUEBRAR, EM NOME,AGRADECIMENTO E LOUVOR AO AUTOS DESTE SITE . . .

  34. OBSERVEI QUE NOS ARQUIVOS NÃO EXISTE NENHUM FEBIANO DE PERNAMBUCO O MEU PAI ERA PERNAMBUCANO ENVIAREI EM BREVE FOTOS E DOCUMENTÁRIOS PARA ENRRIQUECER AINDA MAIS O MESMO . .. .edinalvaleite2008@hotmail.com

  35. claudevan melo Says:

    Conheci Roberto em 2005 até sua morte foram trocados diversos e-mails que por sorte imprimi todos eles, foi um pioneiro na divulgação organizada da historia da FEB por internet. O site ANFEB foi um verdadeiro banco de pesquisas para os internautas iniciantes, com sua falta há de perder a FEB e todos nós. Estará ele nas fileiras celestiais junto daqueles que mereceram.

  36. Herbet Gomes Says:

    A Globo deveria fazer filme do Brasil na 2 Guerra mudial …!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: