Carlo Bertini, padioleiro da F.E.B.

Posto uma série de imagens e objetos pertencentes a Carlo Bertini. É um dos mais tocantes, para não dizer tristes, símbolos que representam a dor da perda de uma família e do desperdício humano causado por uma guerra. Até pouco tempo, os parentes de Bertini ainda moravam em meu bairro, de onde ele saiu para integrar o Serviço de Saúde do II 6.o RI. Antes da FEB, ele trabalhava como niquelador em uma fundição no bairro da Barra Funda. Meu tio, que serviu no mesmo regimento antes de passar para o Regimento Sampaio, ainda se lembrava dele. Os parentes de Bertini se mudaram, e não mais tive contato com eles.

Bertini morreu por estilhaços de granada de morteiro em Marano, em 19-11-44, ao socorrer um companheiro ferido. Vou começar com fotos do tempo de paz, antes da guerra.

De férias em Santos, 1940.

null

null

Com a declaração de guerra em 1942, Bertini foi reconvocado, e voltou a servir em um Batalhão de Caçadores. Nesta foto, vemos uma cena preliminar à formação da FEB. Bertini e seus camaradas.

null

null

Como era o costume na época, Bertini tirou um belo retrato no momento da incorporação à FEB, que distribuiu a parentes e amigos. Esta foto foi um dos itens do grupo de objetos que passou por suas mãos:

null

Carlo Bertini embarcou com o 1.o Escalão da FEB em 29-07-44, tendo passado pelas campanhas do Serchio, Arno e Reno, de onde seguiu para a região de Marano junto ao II Batalhão do 6.o RI.

Pouco antes de sua morte, Bertini enviou uma carta a seus pais, Dona Angelina e Sr. Santo Bertini:

“Dia de meu aniversário, estou num front onde a cobra fuma dia e noite mas tenho fé em que não aconteça nada a mim e aos meus colegas.”

Entretanto, o pior possível aconteceu alguns dias depois. Uma carta recebida pela família:

null

null

Os pais de Bertini, D. Angelina e Sr. Santo, pouco depois da morte do filho. Ele tinha mais três irmãos.

null

null

Ambos morreram de desgosto logo após o filho.

6 Respostas para “Carlo Bertini, padioleiro da F.E.B.”

  1. Prezado Cesar.

    Realmente o relato é muito emotivo. Quantos mães e pais brasileiros não tiveram a dor de perder um filho querido na guerra.

  2. MatosSams Says:

    Olá, gostaria de te convidar para partipar de uma rede de troca de conteúdo, para mais detalhes me manda um email ok. Abraços. Matos

  3. Edna Bertini Says:

    É com muita emoção que estou nesse momento escrevendo. Procurando a origem do meu sobrenome, me deparei com esse texto falando de meu tio-avô. Dna. Angelina, (noninha, como a chamavamos) embora tenha falecido quando eu era muito pequena,guardo de maneira muito nítida a lembrança de sua dor pela perda do filho e a estória do “tio Carlos” sempre estive presente em minha família. Lembro perfeitamente da foto de meu tio com a farda( a mesma publicada nesse artigo) no seu quarto. Essa foto é conservada por minha família até hoje.

  4. Eduardo Bertini Says:

    Boa tarde,
    Meu nome é Eduardo Bertini, neto de Ernesto Bertini que é irmão de Carlos Bertini. Sempre busquei informações de meu tio mas sem sucesso. Voces não imaginam a emoção que tive ao ver as fotos e comentários deste site a respeito dele. Ver a foto da minha bisavó me desabou. Neste momento me faltam palavras para expressar a emoção de resgatar parte da história de minha família

  5. Bruno Emmanuel Bertini Says:

    Alguém conhece ou conheceu Ângelo Bertini, que morava próximo a pitangui – MG ?

  6. ALEXANDRE BERTINI JUNIOR Says:

    Bom dia gostaria muito de ter essas fotos, sou neto de Ernesto Bertini, irmão de Carlo Bertini. Meu email bertini_jr@hotmail.com. Obrigado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: